Arquivo da categoria: Poesia

Repara, observa, agradece.

Eu vivi no meio de tudo Cresci no meio de todos Mas não sei nada Eu convivi com uma porção de gente Viajei por muitos lugares mas não conheci nada De que adiantam olhos que só vem mas não enxergam? … Continuar lendo

Publicado em Literatura e Teologia, Poesia, Teologia | Deixe um comentário

Sobre o homem

Pode curar Pode amar Mas destrói Criado conforme Vivendo disforme Imagem descartada, terra devastada Já disseram antes: somos ocos Já disseram antes: somos loucos Já reparei: somos poucos Deixados no pó para um dia Voltarmos pra ele Nascidos do barro … Continuar lendo

Publicado em Poesia, Teologia | 1 Comentário

Sobre a Tragédia

Quem somos? Bom, para Bonhoffer, nossa identidade não encontra um sentido em nós mesmo, mas no próprio Deus. Parafraseando-o, seja lá quem nós formos, somos de Deus. Embora eu ache fantástica essa afirmação de Bonhoffer, não é sobre ela que … Continuar lendo

Publicado em C. S. Lewis, Literatura e Teologia, Poesia, René Girard, Teologia, Tolkien | Deixe um comentário

Sobre o por do Sol

Depois de um dia de Sol, chega a hora em que gradativamente, a escuridão toma conta. Depois de tanto falar, tudo se silencia e chega a hora de escutar Só que quando eu mais precisava Te ouvir, Você me fez ouvir o … Continuar lendo

Publicado em Poesia, Teologia | Deixe um comentário

Sobre o Verbo ser

E no início era o Eu Sou Do Verbo ser O verbo Eu Sou O início era Ele Criador que se fez criatura Mas que não foi criado Perfeição, eternamente gerado Eternamente amável Tu és És a totalidade do conhecimento … Continuar lendo

Publicado em Poesia, Teologia | Deixe um comentário

Venha em silêncio…

Um dia, Deus irá tirar de ti a poesia… Um dia, Deus tirou de mim a poesia… E nesse dia, eu implorei. Implorei para que ninguém viesse me dizer alguma coisa. Implorei para que ninguém viesse tentar me consolar. Implorei … Continuar lendo

Publicado em Poesia | Deixe um comentário

Sobre Graça…

Fui atraído de volta. Por mais que eu tente fugir, sinto como se fosse arrastado de volta. Sinto como se ao partir, uma parte de mim tivesse ficado, a parte mais importante, a parte que me faz viver. Ao partir, … Continuar lendo

Publicado em Poesia, Teologia | Deixe um comentário